Entrada > Notícias > Diretor da Pós-Graduação em Criação e Desenvolvimento de Negócios

Diretor da Pós-Graduação em Criação e Desenvolvimento de Negócios

PEA

Quando

17 > 31.12.2019 · 10:25 > 10:25

Onde

Instalações do ISCAP

Adicionar evento ao calendário

Professor Marco Lamas


· Que motivos levaram à criação da Pós-Graduação em Criação e Desenvolvimento de Negócios?

Essencialmente a percepção de que há uma lacuna na oferta de cursos relacionados com empreendedorismo, gestão e criação de novos negócios. Há muitos cursos nesta área, mas não com as características desta Pós-graduação.

Esta é sem dúvida uma Pós-Graduação inovadora, eminentemente prática que dá a possibilidade aos estudantes de desenvolverem um projecto para lançar no mercado. Os formandos desenvolvem nos vários módulos, ao longo de toda a Pós-Graduação, um plano de negócios (criação, reestruturação, ou expansão) a ser apresentado a um painel de convidados, potenciais investidores (Associações de Business Angels e Capital de Risco parceiras do curso).

Saliento ainda, o acompanhamento pelos potenciais investidores e formadores, isto porque alguns dos investidores poderão estar presentes desde o início, conhecendo as ideias dos formandos e quando consideradas interessantes acompanhando a evolução das mesmas ao longo da Pós-Graduação, actuando como mentores. Os formadores, todos com vasta experiência profissional serão como consultores ao longo do ano, apoiando e permitindo aos formandos desenvolverem, repensarem, melhorarem continuamente o seu projecto.

 

· Quais são os principais destinatários do curso?

Os principais destinatários deste curso são Empreendedores, Profissionais e quadros de empresas com interesse em criar ou desenvolver um negócio, mas também gestores de Startups e de PME, business coaches e consultores.

Na verdade, todos os que desejem desenvolver competências que permitam realizar um plano de negócios de criação, reestruturação, expansão ou internacionalização. Sendo que, como mencionámos anteriormente, neste curso todos os estudantes terão a oportunidade de apresentar os seus projectos a business Angels e capital de risco e quem sabe obter financiamento para os seus projectos. 

 

· Quais foram os critérios usados para selecionar o corpo de formadores do curso?

Os critérios principais estão relacionados com a experiência empresarial e empreendedora. São 14 formadores com vasta experiência nas áreas que consideramos chave para a criação e desenvolvimento de empresas, desde a ideia, ao modelo de negócio, às questões jurídicas, ao Marketing, ao financiamento, ao networking e à organização e gestão empresarial.

 

· Que competências irá o curso oferecer aos seus participantes?

Os participantes poderão desenvolver as competências fundamentais para a criação e crescimento de um negócio em pleno séc. XXI. Os desafios não são os mesmos do séc. XX e as competências necessárias também não. Pensar e idealizar um negócio e estar preparado para tomar decisões rápidas nas várias áreas-chave, adaptando e alterando o modelo de negócio é essencial e para isso os estudantes serão capazes de:

  • Compreender o conceito e a importância do Empreendedorismo;
  • Desenvolver um modelo de negócio coerente e ajustado à realidade;
  • Dominar conceitos, teorias, ferramentas e metodologias inerentes à gestão de equipas;
  • Desenvolver uma nova postura perante o processo criativo e os bloqueios à criatividade e inovação;
  • Planificar e Implementar um negócio com conhecimento relativamente às fases do processo de criação e desenvolvimento de empresas (jurídicas, comerciais, financeiras);
  • Implementar estratégias de Marketing em todas as fases do processo;
  • Desenvolver competências para apresentar e “vender” um projeto a um painel de potenciais investidores, parceiro de negócios ou a um painel de um júri.

 

· O curso assenta em parcerias? Quais as que destaca?

Sim, um curso idealizado desde a raiz para permitir o desenho de um plano de negócios, a sua apresentação a investidores e o seu lançamento no mercado tinha obrigatoriamente de se sustentar em parcerias. Destacamos as associações de business angels e de capital de risco que estarão presentes nas apresentações finais dos projectos dos estudantes, mas mais do que isso, estarão ainda desde o início conhecendo as ideias dos formandos e quando consideradas interessantes acompanhando a evolução das mesmas ao longo da Pós-Graduação, actuando como mentores.

Autor

gcrp

Partilhar